quinta-feira, 1 de janeiro de 2015

Praça dos Leões - Porto (PT)

No Porto, como em todas as cidades, vigoram duas toponímias, que apenas parcialmente se confundem.

A primeira é a oficial, a que vem nos roteiros e guias. A segunda é a que os portuenses consagraram.

Há nomes que pegam, outros que nunca passaram do papel. E não é fácil descortinar um critério, adivinhar de antemão as denominações que a posteridade irá abençoar.

A Praça Gomes Teixeira é um desses casos de toponímia burocrática.

Não serão muitos os habitantes da cidade que a conhecem por tal nome, e muito menos os que assim lhe chamam no quotidiano.

Para efeitos prácticos, é a Praça dos Leões.

Praça dos Leões
Praça dos Leões


Se não faltam, em ruas e praças do Porto, designações um tanto absurdas, homenageando, muitas vezes, personagens que em nada relaciona ao local da respectiva consagração, a verdade é que nem é esse o caso da Praça de Gomes Teixeira, já que a longa e brilhante carreira docente do ilustríssimo matemático Francisco Gomes Teixeira está intimamente ligada à Faculdade de Ciências, desde o tempo em que o edifício albergava ainda a Academia Politécnica.

A origem da designação popular - Praça dos Leões - salta à vista. No centro da praça, entre dois pequenos jardins, foi construído um chafariz, ornamentado com quatro pequenos leões alados, cujas gargantas de pedra lançam jorros de água.

E os portuenses gostaram destes leõezinhos com asas, que, dizem, são filhos do leão e da águia que encimam, na Rotunda da Boavista.

Veja também:

Aeroporto Francisco Sá Carneiro - Porto


João Pires

Sem comentários:

Enviar um comentário